Acordo entre Cibervoluntarios e IDDLAC visa promover o desenvolvimento das capacidades digitais e o empoderamento do cidadão.

Com este Memorando de Entendimento, ambas organizações desejam gerar dinâmicas que contribuam para melhorar a cooperação para o desenvolvimento, já que sua missão é promover o progresso e o crescimento do ecossistema digital por meio da formação e capacitação dos cidadãos, com atenção especial aos grupos mais vulneráveis.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Segunda-feira, 7 de março de 2022.  A Fundação Cibervoluntarios e o Instituto de Desenvolvimento Digital para América Latina e Caribe (IDDLAC) se comprometeram a trabalhar juntos para promover a colaboração interinstitucional entre ambas entidades, no desenvolvimento de Projetos, Programas e Educação , planos de formação e conteúdos, “que apoiam a alfabetização digital e o empoderamento dos cidadãos, com especial atenção aos grupos sociais mais vulneráveis, através do conhecimento e utilização de ferramentas tecnológicas, bem como a promoção da importância do voluntariado tecnológico para o sua implementação.”, refere o acordo.

 

A Presidente da Fundación Cibervoluntarios, Yolanda Rueda, referiu a este respeito: “Para a Cibervoluntarios, esta aliança é estratégica a nível internacional. Ambas organizações concordam com a necessidade de promover uma estrutura conjunta para o desenvolvimento de um ecossistema digital com impacto social na região, que contribua para combater a exclusão digital, gerar crescimento econômico, fomentar o talento digital e, claro, o voluntariado tecnológico, para garantir apoio a todas as pessoas, especialmente aquelas em situação de maior vulnerabilidade digital”.

 

A colaboração entre as duas entidades visa fortalecer o ecossistema digital da América Latina e Caribe por meio de planos de alfabetização digital e ações de conscientização, como conferências, seminários e workshops, intercâmbio de informações, entre outros.

 

Por sua vez, o Diretor do IDDLAC, Andrés Sastre, afirmou: “Estamos muito felizes em poder colaborar ativamente com uma equipe como esse de Cibervoluntarios, que tem uma longa história em alfabetização e desenvolvimento de habilidades em TIC, além de seu comprovado profissionalismo e Liderança. Um dos pilares fundamentais do Instituto consiste na criação de capacidades e na promoção de alianças e coordenação de ações entre diferentes atores do ecossistema digital, para o qual consideramos muito positivo este acordo, que, sem dúvida, resultará para facilitar o cumprimento dos objetivos de ambas as entidades”.

 

A partir de quinta-feira, 10 de março, se poderá assistir uma Conversa IDD, com Yolanda Rueda como convidada, que abordará as questões de apropriação digital e voluntariado tecnológico, e o trabalho da Fundação Cibervoluntarios.

A palestra será publicada no canal do youtube do IDD LAC e poderá ser vista a partir das 15 UTC.

 

 

#ConversasIDD: Violência Digital

Falamos sobre Violência Digital com Angie Contreras da Associação Civil Cultivando Género, em um novo capítulo das #ConversasIDD, espaço criado pelo IDDLAC para falar sobre

Leer más